Lustres: ótima opção para redecorar ambientes | Blog Telhanorte
home > Decoração > Lustres: ótima opção para redecorar ambientes

Lustres: ótima opção para redecorar ambientes

lustres-em-destaque

| Decoração

 

Saiba tudo sobre os diferentes tipos de lustres para redecorar um cômodo e criar uma composição incrível na casa

 

Nos dias atuais, ter uma casa bem iluminada não é apenas uma questão funcional, mas também estética. Por esta razão, os lustres são nossos maiores aliados na hora de criar um ambiente bem decorado e ao mesmo tempo que atenda nossas necessidades diárias.

A iluminação de uma casa é um ponto extremamente importante para o conforto dos moradores. Se feita de uma forma cuidadosa e bem pensada, uma boa luminosidade pode nos encher de sensações agradáveis nos momentos em que estamos em nossos lares. Acreditando que você se preocupa tanto com o seu bem estar quanto com o da sua família, preparamos essa matéria especial com diferentes modelos e materiais de lustres para deixar sua casa ainda mais aconchegante! Confira!

 

Tipos de lustres para transformar sua decoração

Antes de começarmos a apresentar os modelos, tenha em mente em quais cômodos pretende usar os lustres e qual finalidade eles terão após a instalação. Isso, porque, com essa ideia em mente, sua escolha será mais assertiva e o lustre conseguirá cumprir sua função.

São inúmeras as opções de modelos e acabamentos que os lustres podem receber para te ajudar a transformar sua casa no lugar em que sempre sonhou! Existem modelos que se adequam melhor a sala de jantar, quarto, cozinha, sala de estar, escritório ou banheiro.

Para qual cômodo você procura um lustre?

Decisão tomada, agora vamos conhecer quais deles são melhores para cada ambiente. Para facilitar sua escolha separamos os tipos de lustres em duas categorias: por formato e por material.

Lembrando que os lustres podem e devem ser combinados com outras formas de iluminação para garantir que nenhum ponto do cômodo fique no escuro!

 

Lustres por material

1. Cristal

Começaremos pelo modelo mais tradicional: o cristal. O material nesse tipo de lustre traz charme e muita delicadeza ao ambiente. Suas peças refletem a iluminação com facilidade, carregando elegância com um toque de classe.

Sua principal função é criar um clima intimista, por isso a sala de jantar é o espaço ideal para um lustre com esse material – agregando glamour enquanto os convidados estão à mesa em um ocasião especial, por exemplo. Geralmente eles são em formato de pendente, que têm um ótimo caimento sobre a mesa de jantar.

Apesar de toda essa beleza, os lustres de cristal são muito frágeis, não sendo recomendados para áreas externas, como as varandas.

 

lustre-cristal-pendente

Lustre de cristais Brihante para 4 lâmpadas GU10 transparente Bronzearte (Foto: Acervo / Telhanorte)

 

2. Metálico

Saindo do clássico, vamos conhecer os lustres metálicos que são incrivelmente contemporâneos. Esse é um modelo versátil, que combina muito com os mais diversos estilos de decoração, especialmente com o industrial.

 

Leia mais: Ficou interessado nessa tendência de decoração? Então conheça o estilo industrial e saiba como deixá-lo aconchegante em nossa matéria!

 

É interessante combinar o lustre metálico com outros objetos decorativos que remetam ao ambiente das fábricas, como um piso de concreto, parede com tijolinho, móveis com visual vintage, entre outras coisas.

Os metais são queridinhos em sua aparência original, mas caso você os prefira em outra cor, aposte nos tons de cobre, prateado, dourado, preto ou rosé. São muitas as opções!

Com seu estilo arrojado, um lustre metálico fica super bem em salas de estar mais despojadas. Alguns são fixados diretamente no teto, enquanto outros podem ficar pendentes com cordas ou correntes, trazendo esse estilo diferente da proposta do estilo industrial.

 

lustre-metálico-aramado

Pendente de arame colméia 14x14cm cobre e preto Auremar (Foto: Acervo / Telhanorte)

 

3. Madeira

Você gosta de combinações em madeira na casa? Então, o lustre com esse material é o mais indicado para você!

Leve e despojado, a madeira deixa os cômodos com um ar arrojado e muita personalidade. Apesar de pouco comuns, os lustres de madeira são capazes de valorizar, e muito, a aparência de um cômodo que precisa de um toque especial.

A madeira remete a aconchego, então, vale super incluir um lustre fabricado nesse material sobre a mesa de cabeceira ou no seu cantinho de leitura, criando um clima acolhedor.

Uma dica extra é colocar lâmpadas de LED amarelas, que emitem luz num tom quente, proporcionando o ar intimista que a madeira precisa para ser valorizada.

 

lustre-pendente-madeira

Lustre pendente com acabamento em madeira (Foto: Homary.com / Reprodução)

 

4. Ferro forjado

Se a madeira pode trazer leveza, o ferro forjado, por outro lado, tem imponência, justamente por parecer mais pesado visualmente. A explicação está na cor do ferro, que normalmente apresenta tons mais escuros.

É ideal para composições mais clássicas, porque a junção de peças nesse tipo de material remete ao período colonial. O lustre de ferro forjado pode ter inúmeras formas, sejam linhas retas ou sinuosas, além de dar um ótimo ponto de destaque às paletas claras.

 

lustre-pendente-ferro-forjado

Lustre em pendente com ferro forjado (Foto: Pottery Barn / Reprodução)

 

5. Palha

Os lustres de palha estão super em alta, especialmente quando falamos em decoração sensorial, com toques de cor e de textura. O acabamento pode variar: fibras naturais ou sintéticas causam o mesmo efeito. O que trará maior ou menor destaque à peça é sua cor, que pode ir do amarelo claro, dourado ou marrom, podendo chegar ao vermelho-escuro e proporções.

A palha também funciona muito bem em ambientes minimalistas ou com temática campestre. Na presença de cores quentes, ela ajuda a quebrar a frieza de superfícies neutras, como paredes em tons de cinza e branco. Além disso, compõe super bem um ambiente que possui móveis muito lisos e sem estofamento, justamente por sua acrescentar textura ao ambiente!

 

lustre-pendente-palha

Lustre pendente com acabamento em palha (Foto: Casa Vogue / Reprodução)

 

Lustres por formato

1. Quadrado

Minimalismo é o principal conceito de um lustre quadrado.

Por possuir linhas retas, ele é uma opção incrível para combinar em ambientes com diferentes tipos de objetos decorativos. Nesse grupo estão aquelas peça únicas, baseadas na geometria, ou em uma composição com vários pendentes, que resultam na aparência de um cubo.

É um formato extremamente adaptável, o que facilita quando há o desejo de trocar o lustre sem fazer grandes mudanças na decoração!

lustre-pendente-quadrado

Pendente para 5 lâmpadas de inox com cabo ajustável de 80cm Niterói Auremar (Foto: Acervo / Telhanorte)

 

Lustres nesse formato são bastante similares aos plafons luminárias embutidas ou sobrepostas no teto por também aproveitarem intensamente a luminosidade fornecida pelas lâmpadas de LED.

 

Leia mais: Curioso para saber mais sobre o plafon? Confira aposte no plafon de sobrepor!

 

2. Ramificado

Lustre no formato ramificado são ideais para iluminar longas faixas sobre o teto, como um corredor amplo ou um balcão de cozinha, por exemplo.

Sua maior vantagem consiste na possibilidade de direcionar feixes de luz em direções diferentes, para atingir pontos específicos no cômodo. Para os lados — ilumina painéis, quadros e plantas penduradas na parede; para cima — destaca detalhes do forro, como desenhos na sanca e torna a luz indireta; por fim, para baixo — clareia o tampo de móveis, prateleiras e nichos de maneira uniforme.

Sua principal característica é unir inúmeros pendentes num único polo ou em seus próprios eixos, como se formassem uma espécie de galhos suspensos no teto.

 

 

lustre-ramificado

Lustre pendente Vidro e aço com cabo ajustável 120cm Preto com dourado MANHATTAN (Foto: Acervo / Telhanorte)

 

3. Esférico

Mais conhecido como lustre redondo ou bola, o lustre esférico é a opção perfeita para quem busca peças que tragam uma aparência ousada e ao mesmo tempo clássica. Eles podem ter circunferências dos mais variados tamanhos, chamando mais ou menos atenção dos visitantes, de acordo com sua preferência.

As esferas maiores são ideais para preencher lugares vazios como o teto de um hall ou de um cômodo com pé direito mais alto, além de se adequarem perfeitamente em salas de jantar e estar. Se você deseja um ar mais despojado, combinar duas ou mais esferas no mesmo pendente pode ser uma ótima escolha.

 

lustre-pendente-esférico

Pendente de vidro TD 3017 para lâmpada E27 27,5×27,5cm fumê Taschibra (Foto: Acervo / Telhanorte)

 

4. Orgânico

O lustre orgânico é o mais dinâmico, porque combina formatos indefinidos, dando um ar de muita personalidade ao ambiente e criando uma decoração única.

Normalmente, eles apresentam contornos irregulares, curvas e ângulos especiais. Algumas peças parecem verdadeiras esculturas suspensas no teto. Vale a pena explorar a criatividade para escolher algo que, ao mesmo tempo, enfeita e ilumina o cômodo.

 

lustre-formato-orgânico

Lustre com formato orgânico (Foto: Viva Decora / Reprodução)

 

Hora de escolher seu lustre!

Agora que você já conferiu alguns tipos de materiais e formatos incríveis para compor e iluminar cada ambiente da sua casa, está na hora de escolher o que vai ficar mais legal no cômodo!

A Telhanorte conta com diferentes lustres no departamento de iluminação, pelos quais, com certeza, você irá se apaixonar e garantir que sua casa fique ainda mais bonita! Você pode acessar o nosso site e encontrar lindos objetos de decoração para compor o espaço também!

Faça suas compras online e retire sem custo de frete com a opção Clique & Retire! Se preferir, visite uma de nossas lojas físicas!

Edição de Camila Alexandrino e Murilo Bonício