ideias | Blog Telhanorte

Ideias de decoração para quarto infantil

decoração-quarto-infantil

| Decoração

Quer dar uma cara nova ao cantinho do seu pequeno? Confira essas ideias de decoração para quarto infantil!

 

Nem sempre as crianças querem dormir na própria cama e os pais acabam aceitando que elas fiquem no quarto do casal. Saiba que com uma decoração bonita e aconchegante, isso não vai mais acontecer!

Se você pensar na decoração para quarto infantil do jeito certo, usar a criatividade para brincar com cores, móveis e elementos decorativos, esse será o cômodo favorito delas.

Nessa matéria, iremos te mostrar ideias incríveis de decoração tanto para quartos de bebê quanto para os mais crescidinhos. Confira!

 

decoração-quarto-infantil

Decoração para quarto infantil (Foto: Paul & Paula / Reprodução)

 

Segurança em primeiro lugar!

Existem muitas possibilidades de decoração para quarto infantil que podem garantir a segurança dos pequenos.

Independentemente do tamanho do quarto, alguns cuidados são primordiais antes e durante a execução de qualquer projeto onde crianças ficarão.

 

 

Agora que você sabe as principais recomendações que irão garantir a segurança do seu filho ou sua filha, vamos às dicas de decoração que vão deixar esses cantinhos ainda mais bonitos e aconchegantes.

 

decoração-quarto-infantil

Decoração para quarto infantil (Foto: Simples Decoração / Reprodução)

 

Começando a decorar o quarto das crianças

Crianças são vida, divertimento, futuro e alegria. Se você não possui recursos para alterar a decoração conforme elas forem crescendo, escolha um estilo básico para revestimento de paredes e aposte em elementos decorativos.

À medida que elas se tornarem maiores, você só precisará trocar essas decorações, o que facilitará sua vida e trará economia para o bolso.

O universo infantil é simplesmente fantástico! Você pode brincar com as múltiplas possibilidades, de príncipes e princesas a heróis e heroínas! Com o aumento de personagens em desenhos e animações, a preferência dos pais e crianças podem ser facilitadas, já que criar um ambiente que remeta ao personagem está cada vez mais acessível.

Lembre-se que, além da decoração, você precisa pensar no espaço — afinal, ali será o cantinho da criança para brincar, dormir, estudar e se divertir com amigos.

Quando ela é pequena demais para decidir os elementos decorativos, a primeira escolha é sua. Mas, conforme ela for crescendo e desenvolvendo seus próprios gostos, é necessário ouvir a opinião da criança na hora de mudar a decoração.

 

decoração-quarto-infantil

Quarto de bebê colorido. Projeto da arquiteta e designer Cris Passos (Foto: Cristiane Passos / Reprodução)

 

Ideias de decoração para quarto infantil

Levando em consideração o gosto dos pequenos, pense em uma decoração bonita e prática, que possa ensinar desde cedo conceitos de organização para eles.

Envolver a criança na tarefa de decorar seu próprio cantinho é uma forma de aproximar mais ainda pais e filhos. Ela se sentirá importante e responsável por mantê-lo bonito e arrumado sempre.

 

1. Cor das paredes

Nunca imponha ao seu filho a cor que você gosta. Deixe que ele possa escolher livremente a sua cor favorita, que o deixará feliz de estar naquele ambiente.

Se tinta não for uma opção viável, experimente o uso de papel de parede! Os modelos infantis possuem diversos temas como bichos, personagens, flores, carros, brinquedos e outros! Também são fáceis de trocar.

 

decoração-quarto-infantil

Decoração de quarto infantil com arco-íris moderno (Foto: The Sensible Shopaholic / Reprodução)

 

2. Camas

São muitas as possibilidades de cama em que você pode investir. Algumas possuem temas de personagens, outras são mais neutras. As bicamas são muito úteis quando elas recebem coleguinhas para dormir. Assim, você garante que eles fiquem bem acomodados.

Se você tiver mais de um filho, também pode investir em beliches, desde que tenham grades de proteção. Alguns modelos possuem escorregador, que pode deixar o ambiente mais lúdico e divertido.

 

decoração-quarto-infantil

Beliche com escorregador: seguro e divertido (Foto: Revista Interiores / Reprodução)

 

3. Iluminação

A iluminação é importante em todos os cômodos, sobretudo no infantil. Você pode usar a luz solar durante o dia e optar por uma luz de qualidade para períodos noturnos.

Caso a criança não se sinta confortável em dormir no escuro, invista em luminárias infantis que, além de deixar o espaço mais bonito, também garantem que os pequenos durmam tranquilos.

 

Leia também: Iluminação para ambientes: tipos e modelos para casa!

 

decoração-quarto-infantil

Arandela lúdica para iluminar o quarto da criança (Foto: Revista VD / Reprodução)

 

4. Cantinho para leitura

Se você dispuser de espaço, uma ideia incrível é fazer um cantinho aconchegante dentro do quarto para inspirar a leitura.

Todos os dias, leia com a criança para despertar o hábito e aumentar os laços de afeto entre vocês. É possível criar esse cantinho com algumas prateleiras e almofadas.

 

decoração-quarto-infantil

Cantinho da leitura aconchegante (Foto: Pretty Little Row House / Reprodução)

 

5. Bancada ou mesa de atividades

Outra ideia super bacana é ter uma bancada ou mesa de atividades para a criança soltar a imaginação e criatividade! Esse espaço proporcionará o prazer de colorir, escrever e desenhar, além de ser uma ótima alternativa quando os pequenos querem riscar as paredes.

Com o passar dos anos e conforme a criança for crescendo, essa bancada pode se tornar uma mesa de estudos, onde ela poderá fazer a lição de casa.

 

decoração-quarto-infantil

Mesa de atividades no quarto. Projeto Carolina Escada e Patricia Landau, do escritório Escala Arquitetura / Reprodução)

 

6. Quadros decorativos

Os quadros trazem muita alegria e cor ao ambiente e possuem infinitos modelos de ilustração e temas. Brinque com as cores, tamanhos e formatos desses quadros. Dessa forma, você pode criar um ambiente interativo e lúdico.

 

decoração-quarto-infantil

Quadros decorativos tornam o ambiente mais lúdico e divertido (Foto: Mooui / Reprodução)

 

7. Tapetes

Dê preferência aos tapetes feitos de EVA. Eles não causam alergias, são macios, coloridos e divertidos. Também são ótimos para garantir que os pequenos não peguem friagem e evitam acidentes. Outra vantagem é que são fáceis de limpar.

 

decoração-quarto-infantil

Tapetes de EVA tornam o espaço mais seguro e são antialérgicos (Foto: Duplex Interiores / Reprodução)

 

8. Brinquedos

Praticamente impossível não associar crianças a brinquedos, não é mesmo? Use-os na decoração também! Eles funcionam para brincadeiras e também dão um toque todo especial ao cômodo. O mais importante é conferir se o tipo de brinquedo é indicado para a idade da criança, evitando possíveis acidentes no futuro.

 

decoração-quarto-infantil

Brinquedos proporcionam lazer e ainda podem ser decorativos (Foto:
Shirota Yuri / Unsplash / Reprodução)

 

9. Lousa na parede

Como já dissemos, crianças adoram rabiscar paredes! Uma boa opção para evitar dor de cabeça com reformas no futuro e ainda garantir que a criatividade e imaginação do seu filho corram solta, são os adesivos que imitam lousa. É um tipo de papel de parede que permite que se rabisque nele com giz e sua limpeza é fácil.

 

decoração-quarto-infantil

Lousa no quarto: libera a criatividade das crianças e é fácil de limpar (Foto: Elle Decoration / Reprodução)

 

10. Prateleiras e nichos

Quando falamos sobre o cantinho de leitura, recomendamos o uso de prateleiras para acomodar os livros — mas elas também podem ser usadas para colocar outros objetos de decoração ou mesmo para funcionar como apoio do trocador, com lenços, fraldas, etc.

 

decoração-quarto-infantil

Nichos e prateleiras ajudam na organização e também dão um toque decorativo (Foto: Criando com Apego / Reprodução)

 

11. Caixas e cestos organizadores

Um dos itens mais necessários no quarto infantil são as caixas ou cestos organizadores. Além de contribuírem como elemento decorativo, elas proporcionam momentos de aprendizagem para os pequenos.

Dão um sentido de organização no ambiente para que esteja sempre limpo visualmente e ao mesmo tempo seja funcional. É importante orientar as crianças de forma lúdica como é divertido guardar seus pertences após as brincadeiras para que nada se perca ou se quebre.

 

decoração-quarto-infantil

Caixas e cestos organizadores criam senso de responsabilidade e organização nas crianças (Foto: IKEA / Reprodução)

 

Pronto para montar o quarto dos seus pequenos?

Temos certeza que você está cheio de ideias de como decorar um quarto infantil! Junte as suas sugestões com as que viu aqui na matéria e crie o ambiente mais lúdico e aconchegante possível para seu filho ou filha.

O mais importante aqui não é o valor a ser gasto, mas o prazer de deixar o espaço com a carinha dele, para que se sinta confortável em estar lá.

Que tal visitar nosso departamento de Decoração e também o de Organização da casa na loja virtual da Telhanorte? Lá, você encontra outros modelos de produtos que citamos. Faça suas compras de casa e use a opção Clique & Retire, sem pagar custo de frete.

Se precisar tirar alguma dúvida, contate nossos colaboradores através do WhatsApp. É fácil, rápido e prático!

Prefere visitar uma loja física? Encontre a mais próxima da sua casa acessando nosso site.

Lembrando que todos os itens clicáveis redirecionam para produtos no site da Telhanorte. Não deixe de conferir!

 

Edição de Camila Alexandrino e João Victor Quintino

10 dicas para esconder fios

esconder-fios-parede

| Decoração

 

Está cansado de um monte de cabos espalhados pela casa? É hora de aprender a esconder fios com essa matéria! Confira!

 

Com o aumento de aparelhos eletrônicos e eletrodomésticos, estamos cada vez mais cercados por eles, em todos os ambientes da casa. O que pode ser inicialmente um sonho, se torna um pouco caótico ao nos depararmos com a quantidade de cabos que acompanham esses itens.

Se você já esbarrou com esse problema e não sabe mais o que fazer para deixar o espaço esteticamente bonito, temos uma ótima notícia! Nessa matéria você encontrará diversas dicas para esconder os fios, deixando-os fora do alcance dos olhos para criar um ambiente mais harmonioso!

Ficou curioso para conhecer 10 dicas para esconder fios? Então, continue a leitura deste artigo!

 

Como esconder os fios

Antes de descobrir como esconder fios é importante ter atenção a alguns pontos importantes. O primeiro deles é a disposição dos equipamentos.

Em alguns casos, se torna mais fácil conseguir escondê-los por causa da localização dos aparelhos, porém, em outros casos será necessário algum esforço para cumprir tal tarefa, sendo preciso um móvel ou outro objeto presente no cômodo.

Por esta razão, é importante estudar bem o espaço. Assim, as chances de ter que recomeçar todo o trabalho, caso mude alguma coisa de lugar, diminuem.

Um outro ponto de atenção é em relação à separação dos fios. Racks, cômodas e estantes geralmente abrigam uma série de equipamentos com cabos, como TV, abajur, luminárias, videogame e outros.

Para que eles mantenham o mínimo de organização, separá-los, nomeá-los e armazená-los de forma cuidadosa é a melhor saída. É importante lembrar que existem correntes elétricas que passam constantemente por eles e que fios danificados podem causar acidentes.

Com isso em mente, vamos para a parte divertida: as ideias para esconder os fios!

 

1. Painéis

Uma das formas mais clássicas de esconder fios da TV e Home Theater é por meio dos painéis. Sua estrutura pode ser de MDF, madeira, gesso e uma infinidade de outros materiais. Isso permite que os fios fiquem escondidos e organizados por trás do móvel e, ainda, dá um ar sofisticado e minimalista ao espaço.

 

painel-de-tv

Painel para TV é uma solução clássica para esconder os fios de maneira elegante. Projeto do escritório Goma Arquitetura (Foto: Casa.com.br / Reprodução)

 

2. Fios presos ao móvel

Para quem é fã de praticidade, uma forma simples e fácil de execução para esconder fios é prendendo-os ao móvel. Pode ser um aparador, estante, escrivaninha ou mesmo uma mesa de cabeceira.

O mais importante é que eles estejam organizados e presos atrás ou embaixo dos móveis com pequenos ganchos adesivos ou fitas.

 

esconder-fios-móveis

A depender do móvel escolhido, é possível colocar os fios atrás deles (Foto: Tua casa / Reprodução)

 

3. Gavetas

Se você não deseja prejudicar a decoração do ambiente com fios expostos na parede, uma solução é providenciar gavetas para guardá-los. Você pode usar o fundo da gaveta para criar uma superfície de apoio do filtro de linha ou extensão e plugar todos os aparelhos.

É uma ideia bem simples e que funciona muito bem, principalmente se a gaveta do móvel possui furo atrás, o que permite que os fios entrem pelo fundo dela. Assim, você pode plugar videogames, celulares, tablets e outros equipamentos.

 

esconder-fios-gavetas

Gavetas são uma boa opção para esconder fios (Foto: Decorar com charme / Reprodução)

 

4. Canaletas

As canaletas são ótimas ideias para esconder fios e também muito utilizadas em imóveis alugados, quando a reforma estrutural da residência não é permitida. Como o próprio nome diz, são pequenos canos ocos que servem para conduzir e abrigar fios e cabos, impedindo que eles fiquem expostos e desornados.

O “pulo do gato” aqui é fazer com que as canaletas se integrem ao ambiente, sem evidenciar que estão ali. Pintar a canaleta com a mesma paleta de cores da parede ou acoplá-las atrás dos móveis no cômodo são duas formas de deixá-las escondidas sem prejudicar a estética do espaço.

 

Leia mais: Saiba tudo sobre Como reformar um imóvel alugado em nossa matéria.

 

Canaletas são ótimas opções para esconder fios, mas para chamar menos atenção, pinte-as da cor da parede (Foto: Tua casa / Reprodução)

 

5. Rodapé

Ciente da constante batalha que temos contra fios e cabos expostos, a indústria de acabamentos investiu em uma solução feita especialmente para estes casos: rodapés com passador de fios.

Por trás da placa do rodapé, que pode ser feita do material que você desejar, há uma estrutura semelhante às das canaletas, que serve para armazenar e conduzir os cabos de forma ordenada por trás do revestimento de borda.

 

esconder-fios-rodapé

Alguns rodapés são específicos para passar fios e ótimas opções para escondê-los (Foto: Freepik / Reprodução)

 

6. Colunas

Se sua TV é sustentada por uma coluna, também é possível usá-la para esconder os fios! Com pequenos furos na coluna — que recomendamos ser feitos por um profissional que garanta a boa execução da ideia — é possível passar o fio no seu interior e eliminar a poluição visual, o que traz a ideia de um upgrade na decoração do cômodo.

 

esconder-fios-coluna

Esconder fios na coluna é uma boa opção, desde que não prejudique a estabilidade da viga (Foto: Tua casa / Reprodução)

 

7. Caixas

Essa é uma solução simples e muito efetiva. Com caixas organizadoras você pode guardar os fios e ainda usá-las como parte da decoração.

É uma alternativa especialmente útil quando o aparelho eletrônico está acomodado sob alguma superfície, como uma cômoda ou estante. Nesse caso, a caixa é colocada ali como um item decorativo, mas secretamente cumpre uma função extremamente estratégica.

 

esconder-fios-caixa

Caixas organizadoras funcionam super bem para esconder fios (Foto: Trusper / Reprodução)

 

8. Móveis planejados

Essa solução pode não ser a mais rápida e mais barata de executar, mas se você estiver pensando em adquirir móveis planejados, pode incluir os eletrodomésticos e aparelhos eletrônicos no projeto, assim, o designer ou arquiteto conseguirá pensar em maneiras eficientes de esconder os fios.

Com essa solução você pode ter os fios embutidos dentro ou atrás dos móveis sem prejudicar a estética do espaço. É uma ótima solução se você estiver começando a reforma do espaço, pois ele ficará com sua cara e não haverá dor de cabeça com cabos e fios.

 

Leia mais: O serviço de móveis planejados já está disponível na Tehanorte! Confira em nossa matéria!

 

esconder-fios-móveis-planejados

Cozinha com móveis planejados: possibilidade de ter fios escondidos (Foto: Mundo das tribos / Reprodução)

 

9. Fios como decoração

Se a sua pergunta é “Tenho como não esconder os fios, mas disfarçá-los de forma criativa?”, nós temos a resposta: Sim! Integrando-os à decoração do ambiente! Talvez você não tenha pensado nisso, então vamos te contar como fazer!

Se bem aproveitados, os fios podem se tornar elementos importantes para a decoração do espaço. É possível adesivar os fios e torná-los mais bonitos. Também podemos trançá-los, o que permite que fiquem à mostra de forma bonita.

Usando a criatividade, você pode prendê-los com ganchos à parede de forma a criar desenhos e torná-los parte da decoração. São muitas possibilidades caso precisem ficar expostos de qualquer forma. O estilo industrial usa bastante desse recurso ao, simplesmente, cobri-los com canos bonitos.

 

Leia mais: Conheça o estilo industrial e saiba como deixá-lo aconchegante em nossa matéria!

 

fios-na-decoração

Usar os fios como parte da decoração é uma técnica super criativa (Foto: Follow The Collors / Reprodução)

 

10. Fios aparentes, mas organizados

Sabemos que cada casa possui suas dificuldades, mas talvez a solução para os fios seja não escondê-los. Você já ouviu falar no organizador de fios? Pode parecer estranho, mas em alguns casos, essa, realmente, pode ser uma solução simples e eficiente para resolver o problema de cabos espalhados e desorganizados.

Ele é como uma mangueira plástica que “abraça” os cabos, mantendo-os organizados e possibilitando que fiquem expostos sem prejudicar o ambiente ou serem sinônimos de perigo. As cores mais comuns do espiral organizador são branco e preto, mas ele pode ser facilmente revestido com tinta spray de acordo com a paleta de cores do ambiente onde será fixado.

 

organizar-fios-espiral

O organizador de fios é uma ótima solução para esconder cabos (Foto: Viva Decora / Reprodução)

 

Como NÃO esconder fios

Agora que você conhece 10 dicas para esconder fios, chegou a hora de aprender como NÃO fazer isso!

Como dissemos logo no início da matéria, mexer com fiação e cabeamento pode ser uma tarefa bastante delicada. Por isso, dê atenção às dicas abaixo para garantir a sua segurança e de sua família!

 

Agora que você tem todas essas dicas, fica muito mais fácil encontrar uma solução adequada para esconder os fios, correto? Lembrando que todos os links listados na matéria são clicáveis e você pode encontrar os produtos citados na loja virtual da Telhanorte! Aproveite para conhecer nosso departamento de Elétrica e conhecer modelos de filtros de linha e extensões para sua casa!

Faça suas compras do conforto de sua casa ou vá até uma de nossas nossas lojas físicas para saber mais. Também é possível usar a opção Clique & Retire do site para não pagar frete e, em caso de dúvidas, contate um dos nossos colaboradores através do WhatsApp!

 

Edição de Camila Alexandrino e Murilo Bonício

10 tipos de revestimentos para paredes internas

revestimento-ceramica-parede-interna-quarto-infantil-cor-azul

| Materiais de Construção

Dos materiais alternativos aos mais comuns, existem vários revestimentos de paredes internas para transformar ambientes. Ficou curioso e quer saber mais? Leia já!

 

Escolher entre os tipos de revestimentos para paredes internas é uma das partes mais divertidas de uma obra ou projeto de reforma.

Contudo, além de se divertir, é importante se dedicar a fazer um mini projeto de decoração para cada um dos espaços e, depois de ter um estilo definido, escolher entre os revestimentos que vão criar ou completar o efeito que você deseja, para cada cantinho da casa – sala, quarto, cozinha e banheiro. Continue lendo e confira a lista de opções para cada cômodo que separamos para você!

 

Tipos de revestimentos para parede da sala, quarto, cozinha e banheiro

Para começar, vamos falar de opções para os quatro principais cômodos da casa:

É claro que os revestimentos também podem ser usados em áreas externas, mas nosso foco nessa matéria são as opções para o interior da casa, ok?!

 

Tipos de revestimentos para parede da sala

Entre as opções de revestimentos para paredes internas na decoração da sala vale destacar: a textura com massa corrida e a madeira.

A textura com massa é um projeto mais personalizado. O desenho criado vai depender do seu gosto e da sua criatividade. Geralmente, escolhe-se uma parede única para receber o revestimentos e destacar o ambiente. Aliado a textura, a parede pode ter uma cor diferente para completar o projeto, de acordo com a decoração. Para a aplicação, você pode usar espátulas ou desempenadeiras.

 

parede-sala-cimento-queimado

Parede da sala de estar com textura de cimento queimado (Foto: BuzzFeed / Reprodução)

 

A madeira ou os revestimentos que imitam madeira podem criar painéis lindos que se encaixam com variados estilos decorativos voltados para a valorização natural, como é o caso do campestre, escandinavo e rústico.

 

Leia mais: Estilo escandinavo: tenha uma casa clean e aconchegante

Vale notar que a madeira exige um trabalho de tratamento e impermeabilização para garantir sua preservação ao longo dos anos e manter os cupins afastados. Se o investimento for muito alto para o seu orçamento, a alternativa é usar os revestimentos que imitam madeira e que dão um efeito igualmente bonito.

 

revestimento-vertical-parede-madeira-porcelanato-moderna-sala-estar

Revestimento de peças verticais em sala de estar (Foto: Bruna Dalcin / Reprodução)

 

Tipos de revestimentos para parede do quarto

O quarto também pode receber revestimentos para paredes internas para compor a decoração.

Uma opção bastante usada são os papéis de parede e adesivos, que possuem uma variedade rica de estampas e acabamentos. A facilidade na aplicação e o bom preço, fazem dessa uma ótima maneira de valorizar o ambiente sem grandes gastos.

Ele também pode ser facilmente trocado, caso estrague ou você decida mudar a decor do quarto.  Entretanto, mesmo sendo fáceis de manusear, não dispense a ajuda de um profissional para fazer o serviço!

 

quarto-menino-papel-de-parede

Quarto de menino com papel de parede. Projeto Novo Dezembro, pela desginer de interiores Camila Cordista (Foto: Cordista Interiores e Lighting / Divulgação)

 

Os azulejos também podem ser usados nos revestimentos das paredes internas dos quartos. Exatamente, dos quartos!

Apesar de serem muito comuns em ambientes úmidos, tais como banheiros, cozinhas e lavanderias, essas peças também podem ser utilizadas nos demais cômodos da casa, formando desenhos e criando detalhes nas paredes que se encaixam nos espaços entre o mobiliário. 

 

revestimento-papel-de-parede-quarto

Quarto com azulejos como opção de revestimento de paredes (Foto: Mandril Arquitetura / Divulgação)

 

Tipos de revestimentos para parede da cozinha

Entre os tipos de revestimentos para paredes da cozinha, vamos falar do ladrilho hidráulico e do revestimento metálico. São duas opções que fogem das convencionais – azulejos claros e pastilhas coloridas – e que acabam por trazer um ar de atualidade para a casa.

O ladrilho hidráulico pode compor uma parede inteira ou os espaços abaixo dos armários e bancadas de cozinha, ornando perfeitamente com uma pintura neutra no restante das paredes.

 

ladrilho-decorativo

Ladrilho decorativo na cozinha (Foto: Bert and May / Reprodução)

 

Já o revestimento metálico, por ter um efeito mais chamativo, deve ser neutralizado com a cor dos móveis da cozinha. Assim, o ambiente não fica pesado e ganha um estilo mais moderno para valorizar ainda mais essa parte tão importante nas casas de hoje em dia!

 

revestimento-papel-de-parede-cozinha

Cozinha com revestimento metálico e mobiliário claro (Foto: Monise Rosa Arquitetura / Divulgação)

 

Tipos de revestimentos para parede do banheiro

Entre os exemplos de revestimentos de banheiro estão as pastilhas, o mármore ou o granito. A escolha aqui é puramente uma questão de verba disponível.

O revestimento feito de mármore ou granito são mais caros, porém o uso é perfeito em banheiros mais clássicos e minimalistas.  Por serem pedras naturais, absorvem mais água e, assim, precisam de cuidados especiais, inclusive na hora da limpeza, para não mancharem.

 

iluminacao-para-banheiro-girls-guide-to-the-world

Revestimento de mármore para banheiro (Foto: Girls Guide to the World / Reprodução)

 

Já as pastilhas possuem um preço mais em conta são consideradas bastante versáteis – nos dias de hoje, existem modelos super modernos com acabamentos brilhosos ou foscos, coloridos, estampados, monocromáticos e mais. É, também, uma opção de fácil manutenção e limpeza.

Podem ser usadas na área do box ou na parte de fora, ocupando a parede toda ou apenas uma faixa. 

 

papel-de-parede-pastilha-vermelha

Banheiro revestido por pastilha vermelha (Foto: PAPELDECOR / Reprodução)

 

Revestimento alternativo para paredes

Alguns tipos de revestimentos para paredes internas parecem obras de arte. E esse detalhe pode fazer toda a diferença na decoração. Confira alguns desses exemplos a seguir: 

Revestimento 3D: pode ser usado em salas, quartos, salas de jantar, banheiro. O efeito dá a impressão de que ele salta na parede.

Revestimento de bambu: outro elemento natural para usar e substituir aa clássica opção de madeira. O efeito fica lindo, principalmente em salas de estar bem iluminadas. 

 

O-bambu-quando-utilizado-nos-artigos-decorativos-e-combinado-com-cores-claras-deixa-a-decoração-mais-clean-e-sofisticada

Revestimento de parede e detalhes decorativos em bambu (Foto: Uol Mulher / Reprodução)

 

Escolha seu revestimento sem sair de casa

Gostou de saber mais sobre os tipos de revestimentos para paredes internas? Com tantas opções fica fácil decorar, não é mesmo? Para te ajudar na pesquisa de preços e na escolha da opção ideal para sua casa, confira a seção de Revestimento no site da Telhanorte. Aproveite também e confira opções de Pisos e outros Materiais de construção para construir ou reformar com tudo que há de melhor! Você faz sua compra online e recebe em casa ou retira pessoalmente em uma de nossas lojas.

 

 

Edição de Murilo Bonício e Camila Alexandrino

Composição de quadros: 5 ideias de decoração

quadros-decorativos-parede-prateleiras

| Decoração

Os quadros constroem um ambiente totalmente novo, cheio de charme e muita personalidade. Crie sua composição de quadros com nossas ideias de decoração

 

As fotografias, gravuras, frases e telas podem criar uma ótima composição de quadros para um espaço moderno na sua casa.  Há um tempo, as pinturas de paisagens com molduras mais ornamentadas eram praticamente regra nas casas provençais. Atualmente, os estilos ficaram mais modernos e, consequentemente, as molduras, bem como sua composição, ganharam toques diferentes.

 

Veja também: Como fazer decoração provençal

 

Para você acertar no arranjo de quadros, leve em conta o ambiente onde eles ficarão. Entenda o estilo que sua casa tem, assim, a decoração vai ornar com os móveis, cores ou com o papel de parede, almofadas, luminárias, tapetes e demais objetos. A organização desses itens do décor é fundamental para criar uma identidade que transmita o estilo da família que mora na casa.

Equilibrar a composição com todos esses elementos não é uma tarefa difícil, mas é necessário ter atenção e alguns cuidados para acertar. Continue lendo e veja nossas dicas e fotos de inspiração!

 

Composição de quadros para casa | Guia de decoração

Compor quadros na parede da sua casa ou qualquer outro cômodo não será mais um bicho de sete cabeças. As dicas farão você ficar por dentro de quais fatores devem ser levados em consideração na hora de criar a mescla de quadros.

 

Fique atento na altura dos quadros

A altura ideal para quadro nas paredes varia entre 1,65 m e 1,70 m em relação ao chão. Se o quadro for muito grande, essa altura deve partir do centro do quadro. Assim, as peças ficam naturalmente no campo de visão, sem necessidade de esforço para apreciar o desenho ou fotografia neles.

 

quadro-decorativo-sala

Para quadros maiores, a altura deve partir do centro (Foto: Kam Idris / Unsplash /Reprodução)

 

Posicione os quadros corretamente

Outro detalhe importante que deve ser observado é a posição desses quadros na parede, principalmente em relação aos móveis. Se houver um sofá encostado na parede, o quadro deve estar pelo menos 20 cm acima do encosto, evitando que as pessoas batam a cabeça no item decorativo.

A posição do conjunto de quadros em relação ao móvel deve ser centralizada para que a proposta para o ambiente fica proporcional e agradável aos olhos.

 

quadro-decorativo-sala-sofá

Se houver um sofá na parede onde o quadro for instalado, coloque-o a 20 cm acima do encosto (Foto: Naomi Hébert / Unsplash / Reprodução)

 

Faça uma combinação de quadros proporcional

Observe o espaço disponível na parede na hora de fazer a combinação de quadros, assim, você pode escolher peças no tamanho adequado.

Para não errar, alinhe os quadros pela base ou siga o formato da parede para fazer o conjunto. Não se esqueça de conferir a distância entre os quadros e manter a proporcionalidade.

 

quadros-decorativos-parede

Observe as medidas dos quadros para criar boas combinações (Foto: Josh Hemsley / Unsplash / Reprodução)

 

Aposte no mix de molduras

A composição de quadros não precisa seguir um único estilo. Coloque sua criatividade e personalidade na montagem e o ambiente ficará lindo!

De acordo com o local de montagem, você pode misturar quadros com e sem moldura, com vidro ou direto na tela, diferentes acabamentos e o que mais a imaginação pedir!

Dica: Para testar se a combinação vai dar certo, corte folhas de papel no tamanho dos quadros e cole na parede com fita adesiva, assim, é possível visualizar o efeito desejado.

 

quadros-decorativos-montagem

Recorte papéis com o tamanho dos quadros e cole na parede para visualizá-los antes da instalação (Foto: Cody Ulrich / People.com / Reprodução)

 

Ideias de composição de quadros: 5 inspirações

O black & white nunca saem de moda! Escolher uma mistura monocromática é uma ideia moderna de como compor quadros na parede. Os móveis e outros elementos do décor podem seguir a mesma paleta de cores ou se tornarem objetos de destaque, como a luminária, almofada e vaso de plantas da foto abaixo.

 

quadros-decorativos-quarto

Quadros monocromáticos são uma boa aposta para dar destaque em outros elementos do cômodo (Foto: Kam Idris / Unsplash / Reprodução)

 

Outra forma de acertar na hora de criar uma composição de quadros é combiná-la com a decoração do ambiente. As cores presentes no quadro ou na moldura podem conversar com a de outros objetos presentes no espaço, como nas fotos abaixo.

quadro-decorativo-sala

As cores no quadro e na moldura combinam com o sofá (Foto: Alex Block / Unsplash / Reprodução)

 

Essa ideia de composição de quadros não precisam nem de parafuso ou pregos! A mistura pode ser feita apenas nas prateleiras. A sugestão funciona tanto para uma única prateleira quanto com várias em sequência. Tudo vai depender do espaço na parede que você terá para dispô-las.

 

quadros-decorativos-prateleira

Quadros em prateleiras são uma boa opção para remanejá-los sempre que desejar (Foto: Within the Grove / Reprodução)

 

Essa ideia de composição de quadros não fica exatamente dentro de um cômodo, mas em um espaço de ligação entre eles, como as escadas e corredores, onde há bastante circulação.

A proposta é instalar diversos quadros com os mais variados formatos, estilos e cores, apresentando-os como em uma galeria para quem passa pelo corredor ou nas escadas.

Fotos, desenhos, paisagens, frases, pinturas… Solte a criatividade na hora de escolher os elementos presentes nos quadros!

 

galeria-fotos-escada

Galeria de fotos na escada (Foto: Weddings Vows / Reprodução)

 

Unir mais de um quadro na parede de forma harmoniosa pode parecer complicado, mas não é! Você pode criar um desenho com o formato dos quadros posicionados no ambiente de forma que eles combinem.

 

Mais para a decoração da sua casa

Gostou das dicas e inspirações para fazer a composição de quadros? Agora é hora de colocar essas ideias em prática! Confira a seção de Decoração no site da Telhanorte e escolha quadros, porta-retratos, molduras e placas decorativas que deixarão sua casa ainda mais bonita, do jeito que você sempre sonhou!

Você pode fazer suas compras com segurança do conforto da sua casa! Para tirar qualquer dúvida, fale com nossos atendentes via WhatsApp! É fácil, rápido e prático!

 

Edição de Camila Alexandrino e João Quintino