vasos | Blog Telhanorte

Black Friday: descontos incríveis para área externa

black-friday-area-externa

| Área Externa

A Black Friday está chegando e você não pode deixar de conferir esta matéria que preparamos com ofertas incríveis para deixar sua área externa ainda mais bonita!

 

Como já sabemos, a tão esperada Black Friday está chegando! Este evento ocorre sempre na última sexta-feira de novembro e nós da Telhanorte não podíamos ficar de fora dessa! Portanto, já vai se preparando, pois no dia 27/11 nosso site estará cheio de descontos incríveis que você não pode perder!

A seguir, preparamos uma matéria com alguns itens que já estão em oferta para você que quer dar uma renovada na  sua área externa! Não deixe de conferir no site da Telhanorte, esta e outras incríveis ofertas de Black Friday!

 

E não deixe de conferir também a matéria que preparamos com 5 dicas para você se planejar e aproveitar esta data tão esperada!

 

1- Cachepot

Você deve estar se perguntando “o que seria um cachepot?” Sim, este nome pode não ser muito comum, mas você com certeza já deve ter visto um por aí!

Esta expressão  significa algo que se usa para esconder um vaso de plantas, ou seja, é um objeto que pode ser feito com inúmeros tipos de materiais, no qual se coloca um vaso de plantas que não possui uma boa aparência. Logo, o cachepot é uma ótima opção para decorar e deixar seu ambiente mais bonito e sofisticado.

Cachepot-Nutriplan-Elegance-Quadrado-04-Cor-Branco-Carrrara-1629131

Cachepot quadrado na cor branco carrara (Foto: Telhanorte / Reprodução)

 

2- Vaso comum

Por ser resistente e prático para manusear, o vaso comum é utilizado em diversas situações, pois além destes benefícios citados inicialmente, ele possui diversos tamanhos que possibilitam o uso em diferentes fases de crescimento das plantas!

Vaso-Comum-Nutriplan-Redondo-05-Cor-Ceramica-1628771

Vaso comum na cor cerâmica (Foto: Telhanorte / Reprodução)

 

3- Vaso autoirrigável

O Vaso Autoirrigável torna o plantio mais fácil e sustentável. Seu processo de irrigação por capilaridade fornece um plantio sustentável, pois seus drenos atuam como raízes artificiais, garantindo a umidade da terra, um cultivo mais fácil e um crescimento saudável da planta. Além disso, possui um reservatório de água acoplado ao vaso, impedindo o desperdício e a proliferação de mosquitos.

Vaso-Autoirrigavel-Rainbow-Alt--11-X-Larg--12-Preto-1635166

Vaso auto irrigável Rainbow na cor preta (Foto: Telhanorte / Reprodução)

 

4- Conjunto para jardim

Utilizado na horticultura, fruticultura e serviços de jardinagem em geral, este conjunto para jardim conta com  materiais de alta qualidade como aço carbono ao boro especial, pintura eletrostática a pó (que tem alta proteção contra oxidação) e cabo com ótima resistência, fabricado com madeira de Eucalipto.

Conjunto-para-jardim-com-cabode-madeira-3-pecas-78102-801-Tramontina

Conjunto para jardinagem Tramontina (Foto: Telhanorte / Reprodução)

 

5- Conjunto para irrigação

Quer praticidade na hora de regar o jardim? Invista em um conjunto para irrigação! Ótimo para irrigar o jardim ou a horta doméstica, ele conta com um sistema de engate rápido para mangueira de 1/2″ e um esguicho com jato regulável.

Conjunto-para-irrigacao-78580-610-engates-rapidos-Tramontina

Conjunto para irrigação Tramontina (Foto: Telhanorte / Reprodução)

 

Não perca esta oportunidade!

Este dia tão esperado está chegando! Não deixe de conferir estas e muitas outras promoções que estamos preparando para vocês sobre esta categoria em nosso site.

É claro que não deixaríamos de fora os outros ambientes de sua casa, então corre agora no site da Telhanorte e veja todas as categorias disponíveis e produtos com descontos imperdíveis para você!

Nos siga no instagram para ficar sempre atualizado sobre nossos conteúdos e acompanhe nosso blog que conta com dicas incríveis para você que gosta de estar sempre inovando! Além disso, a Telhanorte possui opções de compra para você que deseja realizar uma compra por WhatsApp, com o método clique e retire, temos o ajuda ao vivo e muito mais!

 

Por Álvaro Oliveira | Edição Stéphanie Durante

 

 

5 espécies de árvores frutíferas para ter em casa

| Ambientes Internos

 

Árvores frutíferas de pequeno porte para quintal ou jardim: conheça alguns exemplos e traga a natureza para dentro de casa!

 

Cada vez mais populares nos ambientes urbanos, as plantas frutíferas de pequeno porte embelezam o espaço, decoram e proporcionam mais contato com a natureza.

Dessa forma, comer jabuticaba, pitanga, limão, acerola, entre outras, direto do pé, se tornou possível mesmo para quem não mora no campo.

As pequenas árvores frutíferas, por exemplo, são perfeitas para quem tem pouco espaço, mas ainda assim quer ter o prazer de consumir uma fruta colhida na hora.

Conheça agora 5 espécies de pequeno porte para vasos, as características de cada uma e dicas de como plantar e cuidar.

 

Espécies ideais de árvores frutíferas de pequeno porte para quintal ou jardim

Além de deixar o espaço muito mais bonito, estimular a alimentação saudável, essas árvores são uma excelente maneira de trazer a natureza para perto.

No entanto, ainda que se trate de um pé de fruta pequeno, há alguns cuidados que você precisa ter para o cultivo correto.

A exposição ao sol, por exemplo, é essencial para que as plantas fiquem saudáveis e deem bons frutos. Também há algumas espécies que precisam de profundidade para que as raízes se desenvolvam e a árvore cresça bem. Por esses motivos, é essencial escolher com atenção onde elas serão dispostas.

Para lhe ajudar nessa decisão, veja abaixo alguns tipos ideais para quintal!

 

Jabuticabeira

A jabuticaba é uma fruta pequena, redonda, com casca escura e adocicada que se desenvolve melhor em regiões mais frias. A espécie resiste bem a geadas, mas nada impede seu cultivo em locais mais quentes.

Ainda que possa chegar a 10 metros de altura, a jabuticabeira pode ser cultivada em vasos menores sem problemas — a sugestão é utilizar os de 50 centímetros de diâmetro. Nesse caso, seu crescimento fica limitado a dois metros de altura, mas sem impedir a produção das frutas.

Os principais cuidados que essa planta frutífera requer para crescer bem e dar frutos é a exposição direta ao sol e regas diárias, especialmente no verão.

 

jabuticaba-plantada-vaso

Pé de jabuticaba plantado em vaso em varanda (Foto: Por acaso / OCP News / Reprodução).

 

Limoeiro

Quem não gosta de temperar uma bela salada com limão ou, ainda, tomar uma limonada geladinha nos dias quentes? Agora, imagina tudo isso sendo feito rapidamente com um limão colhido diretamente do pé!

Entre as árvores frutíferas que não crescem muito, o pé de limão-siciliano se destaca. Além de muito bonito, a espécie se desenvolve bem em qualquer espaço.

É comum essa planta chegar a um metro de altura. No entanto, dependendo do local de cultivo, pode crescer um pouco mais. Contudo, se você não quiser que seu limoeiro fique muito alto, basta plantá-lo em um vaso que tenha até cem litros de capacidade. 

Os primeiros frutos podem ser vistos depois de dois anos do plantio, surgindo logo após o nascimento das flores.

Quanto aos cuidados, o pé de limão-siciliano precisa de algumas horas de luz solar por dia, mas não pode ficar exposto o dia todo. Já a rega deve ser realizada três vezes por semana, sem encharcar a terra.

 

vaso-limoeiro

Limoeiro plantado em vaso pequeno (Foto: Blog Jardinices / Reprodução).

 

Laranjeira

Entre as árvores frutíferas para quintal ou jardim que vale a pena ter é a laranjeira. Importante fonte de vitamina C, sua fruta pode ser consumida in natura, em sucos, ou como ingrediente no preparo de variados alimentos.

Além de saborosa, versátil e benéfica para a saúde, a laranjeira é uma espécie fácil de ser cultivada. Um pé de laranja-pera, por exemplo, precisa de exposição ao sol constante – não havendo necessidade de movimentar o vaso para sombra, como no caso de outras espécies. Porém sua terra não pode ficar muito molhada.

Por isso, talvez seja bom considerar colocá-la em um lugar protegida da chuva e, antes de regar, é importante verificar se a terra já não está úmida. Caso esteja, não é preciso regar.

Outro tipo de laranjeira que também pode ser cultivada em espaços pequenos é a Kinka, também conhecida como Kumquat. É uma laranja pequena, originária da China e que, basicamente, requer os mesmos cuidados das outras espécies.

Quando plantada em vasos, a dica é adicionar cascalhos para evitar que a água da rega apodreça as raízes.

 

Bonsai-de-laranja

Bonsai de laranjas cultivadas em casa (Foto: Cuidar De Bonsai / Reprodução).

 

kumquat-vaso

Vaso da espécie kumquat (Foto: Faz Fácil / Reprodução).

 

Aceroleira

Par perfeito da laranja, a acerola é ainda mais rica em vitamina C e perfeita para sucos, sorvetes, sobremesas e diversos outros pratos.

Das árvores frutíferas de pequeno porte, é a que mais pode dar frutos por ano – até três vezes – e ainda tem a vantagem de poder ser cultivada em vasos bem pequenos e suspensos. Se optar pelo plantio dessa forma, a dica é utilizar os que têm, pelo menos, 10 cm de diâmetro a mais que o torrão da muda (bloco de raízes e terra).  Esse cuidado é essencial para que a espécie cresça saudável.

Caso queira a aceroleira no chão, ainda assim, a dica é utilizar vasos ou canteiros com até 2,25 m² com solo argilo-arenoso. Isso é essencial para reter a umidade, já que essa é uma espécie que requer água em abundância. Também por esse motivo, a rega deve ser feita quatro vezes por semana ou sempre que notar a terra seca, especialmente no verão.

 

acerola-vaso1

Acerola plantada em vaso para quintal ou jardim (Foto: HM Jardins / Reprodução).

 

Pitangueira

A pitangueira é uma planta brasileira que precisa de muito sol para se desenvolver bem. Por isso, se essa for a sua opção, procure colocá-la em um local com boa radiação solar.

No solo, a espécie pode chegar a dois metros de altura. Caso prefira cultivá-la em um vaso, pode utilizar um de tamanho pequeno ou médio, o que vai manter a planta mais baixa.

Sobre os cuidados com a pitangueira, é fundamental fazer a rega todos os dias. Quando em vasos, o ideal é girar periodicamente para que receba sol e calor por igual.

 

pitanga-em-vaso

Pitangueira em casa (Foto: De Tudo Um Pouco / Youtube / Reprodução).

 

Cuidados para deixar as árvores frutíferas bonitas e saudáveis

Além dos cuidados que especificamos para cada planta citada, quando se trata de árvores frutíferas, há outros que requerem sua atenção.

O tipo de fertilizante ou adubo utilizado, por exemplo, deve ser de acordo com as particularidades de cada espécie. Por isso, antes de comprar, é importante se informar através das indicações das embalagens do produto, ou consultando um jardineiro.

As podas também devem ser regulares. No entanto, precisam respeitar o período de frutificação de cada planta para favorecer o ciclo de desenvolvimento.

Somado a tudo isso, é fundamental utilizar as ferramentas de jardinagem corretas. Isso evita que a estrutura da árvore seja comprometida, contribuindo para um crescimento mais saudável e produção de frutas saborosas.

Na Telhanorte você encontra uma linha completa de ferramentas de jardinagem que vão lhe ajudar a ter um jardim ainda mais bonito. Também temos mangueiras, irrigadores, aparadores de grama, vasos de diversos tamanhos e vários outros acessórios.

Quer conhecer mais? Visite uma de nossas lojas físicas ou acesse o nosso site. Lá, você pode escolher tudo o que precisa e comprar on-line, pelo WhatsApp ou televendas!

 

Edição por: Murilo Bonício

O que é manta para jardim? Descubra tudo para usá-la!

| Área Externa

 

Para que serve, as vantagens e modo correto de utilizar uma manta para jardim! Confira essas e mais informações.

 

Quem é que não gosta de ter a natureza por perto? As cores, os cheiros, as texturas… Ah! Nada melhor do que ver os pés de frutas no quintal e poder admirá-los ou, ainda, saboreá-los quando quiser, não é?

Então, saber o que é manta para jardim ajudará você a cultivar plantas em vasos e jardins, mantendo-as mais saudáveis e bonitas.

Entre as inúmeras vantagens desse material, está a possibilidade utilizar tanto em pequenos espaços quanto em grandes.

Assim, seja para criar um jardim no seu quintal, ou um jardim vertical na sua varanda, a manta para jardim vai lhe auxiliar a criar decorações incríveis, e com muito verde!

Quer saber como? Basta continuar a leitura.

 

 

O que é manta para jardim e para que serve?

Se você quer saber o que é manta para jardim, porém não tem muita familiaridade com essa área, sem problemas! Melhor, então, começarmos esclarecendo que esse material pode ser encontrado com outros nomes no mercado!

Também conhecida como manta de bidim, manta de drenagem ou manta geotêxtil, a manta para jardim é utilizada para evitar que a água escorra a terra de vasos e jardins quando essa é molhada.

Como esse material permite apenas a passagem de água, também garante que os substratos não se percam a cada rega. Com isso, os nutrientes se mantêm e a planta permanece viva e bonita por muito mais tempo.

Mas saber o que é manta para jardim também inclui conhecer a sua composição. Parecida com um feltro grosso, ela é formada por milhares de filamentos de material sintético. Essa matéria-prima, por sua vez, é proveniente de materiais recicláveis, tais como garrafas PET (politereftalato de etileno).

Com isso, a manta se torna um produto ambientalmente correto e perfeito para o cultivo de plantas!

 

Quais as vantagens do uso da manta para jardim?

Além da fácil instalação, é um material que pode ser usado em jardins e vasos dos mais variados tamanhos.

Assim, mesmo que tenha pouco espaço na sua casa ou apartamento, é possível criar um jardim vertical incrível e entrar na onda da Urban Jungle com muito estilo.

Veja abaixo outras vantagens da manta de jardim:

Mas não somente o cultivo de plantas ornamentais e de flores se beneficiam com o uso da manta de drenagem.

Se você pretende ter uma pequena horta em casa, por exemplo, saber o que é manta de jardim vai lhe ajudar a cultivar alimentos saudáveis e nutritivos.

 

Como usar a manta de jardim no solo?

Comece separando os materiais. Basicamente, você vai precisar de terra própria para jardim, pá e outras ferramentas de jardinagem, areia grossa ou fina e, claro, da manta de bidim.

Em seguida, limpe o espaço que receberá o jardim e posicione as plantas considerando as orientações de plantio de cada uma – ou seja, considerando se pode receber luz solar direta ou não, a profundidade ideal para suas raízes e etc.

Caso queira colocar várias espécies em um mesmo espaço, você pode utilizar um limitador de grama para deixar o visual ainda mais bonito.

Use a terra para nivelar o jardim e cubra toda a superfície com areia. A ideia da utilização desse material é ajudar, ainda mais, a manter a terra no lugar sempre que ela for molhada.

Por cima dessas camadas posicione a manta de drenagem, de modo que cubra toda a extensão do jardim. Finalize colocando as pedras.

 

Como usar a manta de jardim em vasos?

O uso da manta de jardim na montagem de vasos segue, basicamente, o mesmo caminho. Assim, comece selecionando os materiais. Para o vaso, o ideal é escolher um recipiente que tenha furos no fundo.

Em seguida, preencha o vaso com materiais resistentes para drenagem. Você pode utilizar argila expandida, pedaços de brita ou de telhas nessa camada.

Depois, posicione a manta. A dica aqui é cortar o material em um diâmetro maior do que o vaso, para garantir que todo o espaço seja coberto. A exemplo do jardim de chão, você também pode utilizar uma camada de areia para auxiliar.

Para finalizar, coloque o substrato, a terra e posicione a planta escolhida. Só tome cuidado para não tirar a manta de drenagem do lugar durante essa última etapa.

 

Qual o preço da manta de drenagem?

Agora que você sabe o que é e como utilizar, talvez esteja pensando no preço da manta para jardim.

De modo geral, não se trata de um produto caro. É possível comprar manta de bidim por metro quadrado. Dessa forma, tudo depende da metragem que você vai precisar – uma vez que esta varia de acordo com o projeto.

Você também pode encontrar mantas para jardim em pacotes pequenos de 2m x 1m, por exemplo, e em rolos com 10m², 25m², 30m² ou até maiores.

 

É possível substituir uma manta para jardim?

Outra dúvida bem comum de quem está se aventurando na jardinagem é: “Como posso substituir a manta de drenagem?”

Visto que a proposta do material é permitir a passagem de água, mantendo os demais elementos, a ideia é utilizar um tecido poroso na substituição.

Mas para isso, é fundamental escolher um que seja sintético. Isso é importante para impedir que a peça se decomponha com o tempo!

Se tiver dúvida se o tecido escolhido para substituir a manta serve ou não, basta fazer este teste simples:

É considerado um bom substituto o tecido que permitir a passagem de água nem muito lentamente, nem rápido demais.

 

Onde comprar a manta para jardim e demais materiais?

Gostou de saber o que é manta para jardim e como utilizá-la?

Esse material ajuda a criar jardins e vasos lindos, deixando sua casa ainda mais charmosa e suas plantas mais saudáveis.

Saiba também que a jardinagem é uma atividade que faz muito bem para a saúde. A prática ajuda a reduzir o estresse, a ansiedade e eleva os níveis de vitamina D quando feita sob o sol. Por tudo isso, que tal começar hoje a decorar sua casa e manter sua saúde em dia?

Na Telhanorte você encontra todos os produtos que precisa. Visite uma de nossas lojas físicas e conheça a nossa linha completa de produtos para jardim! Se quiser ainda mais comodidade, acesse nosso site e compre tudo on-line, pelo WhatsApp ou televendas.

 

Edição por: Murilo Bonício

Urban Jungle: traga a natureza para dentro de casa

urban-jungle-muitos-vasos-com-plantas-decoração-sala-de-estar

| Decoração

Que tal ter o frescor e a beleza das plantas dentro da sua casa, todos os dias? Saiba mais sobre o conceito de Urban Jungle e aprenda como reproduzir essa tendência que traz a natureza para dentro do seu lar. Gostou da ideia? Então continue a leitura para saber mais!

 

O que é Urban Jungle?

O termo, derivado da língua inglesa, significa “floresta urbana”.  Trata-se de uma tendência de decoração que está ganhando cada vez mais espaço e adeptos, e que consiste em trazer o verde para dentro dos ambientes. Dessa forma, é possível ter o equilíbrio perfeito entre o concreto dos grandes centros urbanos e o convívio com a natureza.

É difícil encontrar alguém que não gosta de ar fresco e daquele cheiro característico de natureza quando você está no interior, né? Quem traz o conceito da Urban Jungle para dentro de casa logo descobre que é possível resgatar essa sensação ao se render a essa tendência.

plantas-vasos-urban-jungle-varanda-jardim-vertical

Que tal montar um jardim vertical na varanda? (Foto: Reprodução/Casa e Jardim)

 

Além do charme que atribui ao espaço, ter sua própria “floresta” dentro de casa traz inúmeros benefícios, tais como:

Mas como se beneficiar de tudo isso e ainda deixar a sua casa linda, organizada e confortável? Como exemplos de Urban Jungle, podemos citar a criação de um jardim vertical ou a distribuição de (muitos) vasos nos ambientes.

No entanto, é preciso escolher as folhagens e adereços certos para conquistar um visual harmônico. Para você não se confundir na hora de montar sua floresta urbana, preste atenção nas dicas abaixo:

 

1. Defina o espaço que vai receber a sua Urban Jungle

Os vasos com plantas podem ser espalhados por todos os cômodos da sua casa: sala, varanda, cozinha, banheiro, quarto, hall de entrada, embaixo da escada, lavanderia… Mas antes de sair preenchendo os espaços é preciso considerar algumas questões, como: circulação, iluminação e ventilação. Esses quesitos influenciam diretamente no tipo de folhagem a ser escolhida.

plantas-vasos-urban-jungle-sala-de-estar

Na sala de estar, abuse de plantas pendentes em prateleiras e espalhe vasos pelos móveis e piso (Foto: Reprodução/Minha Casa)

 

2. Escolha as plantas certas para cada ambiente

Como na maioria das vezes estamos falando de decoração interna, é fundamental optar por aquelas que se desenvolvam bem em ambientes fechados.

Por isso, antes de comprar, pense nas seguintes questões: o local onde a planta será colocada recebe algum tipo de luz solar? Tem boa ventilação? Essas informações são essenciais, pois algumas plantas respondem melhores a esses estímulos do que as outras.

De modo geral, as plantas de sombra ou meia-sombra são as mais indicadas para ambientes internos, pois elas conseguem crescer e se manterem saudáveis apenas com a incidência indireta do sol. A boa notícia é que existem várias espécies que fazem parte desse grupo. Veja alguns exemplos:

planta-urban-jungle-samambaia

Samambaia

 

3. Considere o tempo que você terá para cuidar das plantas

Se a sua rotina for corrida, deixando pouco tempo para cuidar das plantas, o melhor é optar pelas mais resistentes, aquelas que necessitam de menos manutenção, como os cactos e as suculentas.

No entanto, ainda que você adquira as espécies menos sensíveis, é essencial verificar como suas plantas estão. Periodicamente, analise a cor das folhas, se elas precisam de alguma adubação extra, retire folhas secas, entre outros detalhes. Quem sabe você não descobre um novo hobby?

plantas-vasos-urban-jungle-cactos-suculentas

Vaso com cactos e suculentas (Foto: Reprodução/Elo7)

 

4. Utilize mais folhagens do que flores

Quando você ouve a palavra floresta, qual a primeira imagem que vem à sua mente? Caso a resposta tenha sido um “espaço com muitas folhas verdes de tamanhos diversos”, você está no caminho certo para montar sua selva particular!

Não que as flores não possam completar a decoração, mas quem busca saber o que é Urban Jungle, logo vê que o conceito costuma ser melhor aplicado quando se dá preferência às folhagens, especialmente as médias e grandes.

plantas-vasos-urban-jungle-costela-de-adão

Costela-de-adão (Foto: Reprodução/Studio Lab-Decor)

 

5. Complemente com outros elementos

Não apenas de plantas é composta uma Urban Jungle. Para ter uma experiência completa, você pode complementar a decoração da sua casa com outros itens que remetam à natureza, como:

plantas-vasos-urban-jungle-quarto

Espalhe vasos de diferentes tamanhos pelo quarto e deixe a natureza mais perto de você (Foto: Reprodução/Revista Evoke)

 

6. Misture estilos

Assim como em uma floresta de verdade, o ideal é misturar vários estilos. Ao invés de comprar todos os vasos iguais, por que não mesclar cores, tamanhos e formatos distintos?

O mesmo vale para as plantas: nada de adquirir várias unidades da mesma espécie. O que deixa o ambiente ainda mais charmoso e único é justamente a mistura de tamanhos, formatos e tonalidades das folhagens.

Lá vai uma dica extra: ainda que a ideia seja misturar estilos, é fundamental que os elementos conversem entre si, garantindo um espaço harmônico e convidativo.

plantas-vasos-urban-jungle-arvore-da-felicidade

Árvore-da-felicidade (Foto: Reprodução/Cliente)

 

Onde comprar itens para a sua Urban Jungle?

Agora que você sabe o que é Urban Jungle e como aplicar essa tendência em casa, que tal comprar alguns dos itens e começar a montar a sua selva particular?

Na Telhanorte você encontra diversos modelos de vasos, jardineiras, cachepots, ferramentas para jardinagem, além de uma variedade imensa de tintas e corantes para ambientes internos e externos.

Visite uma de nossas lojas físicas espalhadas ou, se preferir, acesse nossa loja virtual. Lá, você pode escolher todos os produtos que precisa e comprar diretamente pelo site, WhatsApp ou televendas!

Não se esqueça de conferir nossa sessão Outlet, com descontos imperdíveis, e realize suas compras com o cartão Telhanorte para ter ainda mais benefícios!

 

Edição de João Victor Quintino e Stéphanie Durante