Iluminação embutida em móveis planejados | Blog Telhanorte
home > Ambientes Internos > Valorize a decoração com iluminação embutida em móveis planejados

Valorize a decoração com iluminação embutida em móveis planejados

nichos-quarto-infantil-luz-embutida

| Ambientes Internos

 

Grande aliada de arquitetos e designers, a iluminação embutida na marcenaria deixou de ser apenas funcional e ganha ares decorativos nos móveis planejados

 

Seja por efeito estético ou para fins de serviço, a iluminação embutida em móveis planejados é tendência entre arquitetos e designers. Usar luzes na marcenaria pode valorizar e muito o seu projeto, além de tornar sua vida mais fácil e ainda garantir uma economia no seu bolso.

Seja para ajudar na concentração durante o trabalho ou estudo, facilitar a busca de uma peça dentro do guarda-roupa ou simplesmente para dar destaque a um objeto decorativo na estante, o LED nos móveis é uma ótima opção e traz um toque de cor e personalidade.

Conversamos com a designer de interiores e lighting designer Ana Paula Cunha, do escritório Angra Design, que falou sobre os modelos mais adequados para serem embutidos na marcenaria e onde são mais recomendados: “O importante é pensar o que você deseja valorizar naquele móvel ou decoração complementar a ele”, afirma Ana Paula. Ela ainda respondeu algumas dúvidas comuns que podem surgir quando o assunto é iluminação em móveis planejados. Confira!

 

Qual tipo de luz pode ser aplicada na marcenaria?

Spots, fita LED e perfil LED são os mais recomendados, porém, o perfil LED necessita de um reator para garantir seu funcionamento, enquanto os spots e a fita podem ter a fiação embutida nos próprios fios das tomadas, sem nenhuma exposição que prejudique a estética no local aplicado.

 

armário-cozinha-luz-embutida

Armário com iluminação embutida sobre a bancada. Projeto das designers Ana Paula Cunha e Grace de Paula do escritório Angra Design (Foto: Henry Lopes / Divulgação)

 

A aplicação de luz embutida em móveis planejados tem um bom custo-benefício?

Por ter um preço baixo tanto para a compra quanto para a instalação, os spots, fitas e perfil LED são acessíveis para todos. A manutenção necessária é pouca, além de proporcionar menor custo na conta de energia elétrica. Considerando todos esses pontos, embutir iluminação na marcenaria vale a pena.

 

nicho-tv-luz-embutida

Nicho para TV com iluminação embutida. Projeto das designers Ana Paula Cunha e Grace de Paula, do escritório Angra Design (Foto: Ale Rodrigues / Divulgação)

 

Luz fria ou quente: como escolher a mais adequada?

Primeiramente, devemos pensar no uso que será feito dessa iluminação. A luz quente traz uma sensação de aconchego, então é ideal para ambientes de descanso ou mesmo para compor a decoração, como na cabeceira da cama, em uma estante com livros ou em outros itens decorativos. Se a ideia é aumentar a concentração, seja para estudar ou trabalhar, invista na luz fria. Vale também para guarda-roupas, gavetas, cabideiros e acima de bancadas na cozinha. Assim você pode trabalhar, limpar, cozinhar e procurar objetos com facilidade.

 

cabeceira-cama-luz-embutida

Cabeceira de cama com iluminação embutida ao redor. Projeto das designers Ana Paula Cunha e Grace de Paula do escritório Angra Design (Foto: Henry Lopes / Divulgação)

 

Quais móveis podem receber iluminação embutida?

Qualquer tipo de móvel pode ter iluminação aplicada em seu interior, mas é preciso considerar com atenção alguns materiais específicos. Em móveis de madeira ou MDF, a instalação profissional é simples e pode ser feita dentro de casa. O marceneiro perfura e estrutura o móvel e o eletricista faz a instalação. Já em móveis com pintura em laca — tipo de acabamento que dá cor ao móvel, podendo ser fosca ou brilhante — é necessário um planejamento prévio com o designer, que orientará o marceneiro sobre o corte antes mesmo da pintura, evitando-se assim rasgos e avarias no material.

 

armário-cozinha-luz-embutida

Armário com iluminação embutida sobre a bancada. Projeto das designers Ana Paula Cunha e Grace de Paula, do escritório Angra Design (Foto: Henry Lopes / Divulgação)

 

Por que embutir luz na marcenaria?

Há muitos motivos para o uso de móveis com iluminação embutida. Por exemplo, ter uma luz agradável traz um clima mais intimista ao local enquanto se assiste a um filme e na cabeceira da cama pode realçar um bom revestimento da parede ou mesmo garantir que o quarto não fique em breu total durante a noite.

Em ambientes como a cozinha, ter uma luz acima da bancada facilita o preparo de alimentos, sem que haja sombras atrapalhando as atividades domésticas.

 

armário-cozinha-luz-embutida

Armário de cozinha com iluminação embutida. Projeto das designers Ana Paula Cunha e Grace de Paula do escritório Angra Design (Foto: Henry Lopes / Divulgação)

 

Colocando as ideias em prática

Agora que você já sabe o necessário para iniciar o seu projeto de móveis planejados, confira como tirar suas ideias do papel e visite o setor de iluminação em nossas lojas físicas ou no site da Telhanorte, para encontrar o modelo ideal para a sua casa.

 

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Telhanorte (@telhanorte)

 

Por Camila Alexandrino | Edição de Vinicius Marques