O que é consórcio para reformas? | Blog Telhanorte
home > Construção > O que é consórcio para reformas?

O que é consórcio para reformas?

projeto-arquitetura-arquiteto-profissional-obra-reforma-consorcio-construcao-contrato-medidas-papel-lapis

| Construção

 

Entenda o que é o consórcio de serviço e como pode ser uma boa oportunidade para a sua obra

 

Direcionado para quem precisa contratar mão de obra ou comprar materiais, o consórcio voltado para reformas pode ser uma boa alternativa para as obras que não são emergenciais. Semelhante ao consórcio imobiliário e de automóvel, o consórcio para reformas também gera uma carta de crédito à pessoa contemplada. Em posse desse documento financeiro, seu valor pode ser utilizado tanto para a contratação de mão de obra quanto para compra dos materiais, de acordo com o serviço contratado.

 

Como funciona esse tipo de consórcio?

O funcionamento do consórcio para reformar ocorre da seguinte maneira: o primeiro passo consiste em saber quanto vai custar a sua obra. Com o valor definido, você deve procurar um gestor de consórcios, geralmente seguradoras, e verificar quais planos são oferecidos.

Se algum for ao encontro do montante que precisa para reformar a sua casa ou apartamento, é só verificar se as prestações são compatíveis com o seu orçamento mensal. (Não se preocupe caso, lá na frente, o valor total se diferencie do apresentado. Se você acabar gastando menos do que o recebido pelo consórcio, você poderá utilizar o valor restante para cobrir as parcelas).

Sobre as parcelas não incidem juros, mas além desse valor há a cobrança da taxa administrativa. Essa pode ser incluída na prestação ou paga à vista, dependendo do que foi acordado no momento da contratação.

Você pode ser contemplado pelo consórcio de duas maneiras: por sorteio ou por lance. O sorteio é realizado todos os meses em uma assembleia e todos do grupo participam. Já os lances são opcionais, ou seja, não há a obrigatoriedade de participar. Feito com recursos próprios, o participante que der a maior oferta é contemplado. Ou seja, você tem, pelo menos, duas chances de receber o crédito todos os meses. Lembrando que o número de sorteios pode variar entre as seguradoras. No geral, esse modelo é o mais comum.

 

contrato-assinatura-servico-obra-consorcio-reforma-obra-empresa

É muito importante ler por conta própria qualquer contrato a ser assinado (Foto: Scott Graham / Unsplash / Reprodução)

 

Regras para participar

Para entrar em um grupo de consórcio para reforma, é preciso que o imóvel atenda a algumas regras:

– Ser em área urbana (comercial ou residencial) e localizado no Brasil.

– Estar em nome do titular do consórcio.

Não estar financiado ou ter qualquer outra dívida.

 

Após a contemplação, é preciso apresentar alguns documentos para retirar a carta de crédito, tais como:

Memorial descritivo.

Cronograma físico-financeiro da obra.

ART, Anotação de Responsabilidade Técnica do projeto e execução.

– Dependendo do tipo da reforma, a autorização da prefeitura para a realização da obra também pode ser solicitada.

 

Valor da carta e tempo de duração do consórcio

Os créditos costumam variar entre R$ 20 mil e R$ 300 mil. A média de tempo para duração é de 150 meses, mas pode variar de acordo com a empresa de consórcio. Quando o participante é sorteado antes desse período, geralmente há três opções de quitação:

– Continuar pagando as prestações normalmente.

– Pagar as parcelas restantes com recursos próprios.

– Usar parte do crédito para quitar o consórcio, recebendo somente a diferença.

 

Liberação do crédito

Quanto à liberação do crédito, segue o previsto em contrato. Por isso, antes de fechar a contratação do serviço, é importante se informar sobre. Há consórcios que disponibilizam o valor integral logo após a contemplação. Outros, somente de acordo com a evolução da reforma, mediante documentos comprobatórios (notas fiscais, recibos e fotos). Há também os que fazem o pagamento diretamente ao prestador de serviço — nesse modelo, o valor não pode ser usado para compra de materiais.

 

Sugestão de matéria: Veja dicas sobre como reformar um imóvel alugado

 

Quais as vantagens do consórcio para reformas?

Quem precisa fazer uma reforma, principalmente se for grande, geralmente opta por um desses dois caminhos: ou uma poupança, ou um empréstimo bancário. Isso acontece por que os custos com a contratação do serviço e compra dos materiais podem ficar muito altos, dificultando o pagamento apenas como o orçamento mensal da família.

Assim, quem busca saber o que é consórcio para reformas descobre que o serviço traz várias vantagens. Uma delas é o fato de não precisar pagar os altos juros cobrados nos empréstimos. No caso da poupança, sabemos que pode levar certo tempo para chegar ao montante necessário. Com o consórcio, há a possibilidade da contemplação que ajuda a realizar a reforma antes do previsto.

Trata-se ainda de um investimento seguro. Caso o titular tenha algum problema que o impeça de continuar pagando o consórcio, o dinheiro investido não é perdido. No geral, o valor pago pode ser resgatado na finalização do grupo, acrescido dos juros do período e descontado algumas taxas administrativas. Aqui vale lembrar que, dependendo da seguradora, as regras de saque podem mudar. Ainda assim, não há a perda das parcelas quitadas em caso de desistência.

Por esses motivos, esse serviço se tornou uma boa alternativa para quem precisa realizar uma obra, mas não tem o dinheiro disponível no momento. Essa opção evita que a reforma fique mais cara por conta dos juros e também ajuda quem tem dificuldade em guardar dinheiro.

 

Em quais situações vale a pena?

No entanto, mesmo sabendo o que é consórcio para reformas e suas vantagens, é interessante ressaltar que essa é uma solução para médio e longo prazo. Ou seja, ainda que a pessoa possa ser sorteada e ter o dinheiro antes do previsto, vale lembrar que isso depende de sorteio e lance. Assim, o consórcio é a alternativa ideal para quem não tem pressa de realizar a obra.

Um dos exemplos de consórcio para reformas que vale a pena destacar é quando o imóvel foi comprado na planta. Muitas construtoras entregam apartamentos e casas apenas no contrapiso, ou com os revestimentos básicos e padrões. Para deixar tudo do jeito que sempre sonhou, é necessário fazer uma reforma.

Considerando o pagamento da prestação do imóvel, a compra de mobiliário e despesas fixas mensais, pode ser bastante difícil juntar dinheiro para fazer a obra. Nesse caso, saber o que é consórcio para reformas pode ser a saída para personalizar o imóvel e transformá-lo em um verdadeiro lar!

 

O que fazer quando receber a carta de crédito?

O consórcio para reformas é uma boa alternativa para você? Saiba que assim que receber a carta de crédito, você já pode dar andamento na sua obra. Uma das etapas vai ser a compra dos materiais, e nisso você pode contar com a ajuda da Telhanorte! Visitando uma de nossas nossas lojas físicas espalhadas por todo o Brasil, ou a loja virtual da Telhanorte, você pode escolher todos os produtos que precisa para a sua obra. Precisa de ajuda? É só consultar um de nossos especialistas!

 

Por onde começar uma reforma residencial?

 

Edição de Vinicius Marques